domingo, maio 10, 2009

Dia especial II

Dizem por aí que ser um legítimo canceriano é passar 50% da vida guardando coisas (físicas ou abstratas), e gastar os outros 50% revirando lugares e caixas pra lembrar delas.. E suspirar..
Creio que adaptei este conceito para uma abordagem mais atual. Sigo sendo romântico.. E por que não sensível? Sou homem e não máquina! Mas aprendi a reciclar o que ficou obsoleto. Aí sobra mais espaço pra coisas boas.
Quando você dá valor ao entulho, muita coisa pode fazer você tropeçar ou ferir-se desnecessariamente. Ao contrário do que muitos acreditam, quem guarda o que não presta, nem sempre tem o que precisa!
Eu cometi esse crime hoje, se é que podemos nomeá-lo assim. Joguei alguns papéis no meu triturador virtual.. Não uso lixeira, ela poderia me tentar a restaurar (ou desamassar) alguns documentos. Infelizmente, por razões alheias à vontade, somos obrigados a exercer ao extremo a nossa individualidade e numa dose mínima, porém venenosa, de egoísmo.
É assim que as coisas funcionam.. O que importa é o bem estar de sua família, dos seus queridos (incluindo os amigos e colegas), e principalmente o seu mesmo.. Sem rodeios. Não há necessidade de agradar alguém, é cultura hipócrita e barata. E esse é o verdadeiro sentido de nossas vidas, indepentende de sexo, crença ou partido, o que vale é o que VOCÊ vale! Resta aprender..

Um comentário:

Paredes Vazadas disse...

Nossa! xD Nunca parei para pensar nisso, boa observação. ^^